CINEMAsiatico.wordpress.com

Do-Ma-Baen (Love Phobia) Kang Ji-eun (2006) Coreia do Sul

3 comentários


Não estava nos meus planos recomendar agora uma love-story mas no entanto, quando eu pensava que já nada me surpreendia dentro do cinema romântico Coreano eis que me aparece pela frente outro filme inesperado.
Chama-se [“Love Phobia“] e podem ter a certeza que não chegarão ao seu final sem apanharem algumas surpresas.

Para quem não conhece o género, o cinema romântico da Coreia do Sul tem normalmente algumas características que o tornam muito diferente dos habituais enlatados supostamente românticos made-in-Hollywood.
Para começar os trailers do cinema oriental, não têm a tendência de nos explicar como vai ser o filme todo e até nos escondem as surpresas da história e tudo, imaginem só !

Numa história romântica Coreana, nunca há qualquer garantia de que haverá um final feliz, embora isto não se traduza automáticamente numa história deprimente.
Apenas a noção de final feliz, não implica obrigatóriamente que o par da história tenha de ficar junto no fim e que depois os personagens vivam felizes para sempre sobe pena dos espectadores não gostarem do filme caso este não acabe assim.
Tudo pode acontecer até ao ultimo minuto de projecção, pois uma das características mais interessantes do cinema romântico coreano, é o facto de existirem muitos finais felizes em que inclusivamente acontecem as maiores desgraças aos protagonistas das histórias e no entanto o espectador acaba de ver o filme sentindo-se reconfortado, positivo, quase sempre identificado com os personagens mas principalmente dando por si a pensar em temas que jamais esperaria encontrar no momento em que se decidiu a espreitar um destes filmes de olhos em bico.
E isto, sem que esses temas lhe sejam atirados á cara estilo panfleto humanitário ao contrário do que é habitual no estilo contemporâneo de cinema comercial americano.

Em [“Love Phobia“] o próprio tema só se dá a conhecer quase no fim do filme e apenas quando este se torna essencial para a história. Até isso entrar em cena o espectador não imagina sequer o que lhe vai cair em cima !
E mesmo depois dessa parte se começar a desenrolar, as surpresas não ficam por aí pois de repente o espectador conhece respostas para perguntas que até esse momento nem fazia ideia que tinha e isto é uma das coisas mais empolgantes deste filme.

Tudo isto é muito dificil de explicar sem revelar aquilo que é precisamente a força do seu argumento.
Tal como nada é revelado no trailer (que até dá uma ideia banal da história), também eu não posso sequer comentar muito detalhadamente o que poderão encontrar pois estaria a estragar-lhes o filme todo.
Como habitualmente em filmes do género, o final divide opiniões.
Há quem entre no espírito e goste e há quem ache que deveria ter ido por outro caminho. Pela minha parte, não me chateia em absoluto qualquer cliché mais emocional quando tem por base uma história como esta que não se limita apenas a ser uma love-story por isso eu gostei embora não me tenha tocado tanto como seria de esperar.
Como tal, o resumo possível da história de [“Love Phobia“] é o seguinte:

Anos atrás duas crianças, um menino e uma menina conhecem-se na escola.
A menina que anda sempre com uma gabardine amarela, assusta todos os colegas da turma quando insiste em dizer que vem de um planeta distante e que carrega uma maldição pois quem lhe tocar pode sofrer muitos acidentes e até correr perigo de vida. O que vem a comprovar-se num par de sequências iniciais quando as pessoas á sua volta sofrem os mais variados acidentes de cada vez que lhe tocam.
No entanto o único que parece imune á maldição é o menino que fica cada dia que passa mais fascinado pela amiga.
Especialmente quando repara que ela habita num mosteiro á guarda de um misterioso monge do qual se sabe muito pouco.
Um dia o menino fica doente e quando volta á escola descobre que a menina nunca mais voltará a sentar-se ao seu lado pois simplesmente desapareceu e nem está mais no mosteiro ou na cidade.

10 anos se passam.
Agora com 18 anos, o rapaz, recebe um telefonema de uma rapariga que se vem a revelar como a sua antiga amiguinha que subitamente entra de novo na sua vida. Após o inicio de uma relação entre os dois, a rapariga volta a referir que vem de um planeta distante encontrando-se na terra apenas á espera que a sua nave a venha buscar no dia em que ela conseguir contactar outros da sua espécie, usando a ajuda do seu grupo de amigos. Um grupo de astrónomos amadores fascinados por crop circles mas que obviamente não a levam a sério apesar de também não saberem para onde ela vai quando desaparece da face da terra.
E como esperado, um dia a rapariga volta a desaparecer misteriosamente.
Mais 8 anos se passam e como anteriormente aconteceu, subitamente ela reentra na vida do rapaz aparecendo do nada. Isto  após ele ter passado anos a fio contratando detectives privados , tentando em vão, encontrá-la.
E pronto. Isto é o que se pode contar do início da história sem estragar o resto para quem não viu o filme.
Quem é a rapariga ? De onde vem ? Porque desaparece sempre durante anos a fio sem ninguém a encontrar ? Virá ela de um planeta distante ? O que tem tudo isto a ver com UFOs e crop circles ?

Sugiro que procurem as respostas em mais este filme que vai passar completamente despercebido em Portugal até que Hollywood resolva fazer também o remake disto. E acreditem que a história tem potencial.
Como filme em si, artisticamente nem tem nada por aí além.  Boa fotografia, uma realização que cumpre mas não deslumbra nem dá particular cunho pessoal ao filme, boas interpretações e pouco mais.
Mas a sua força está na originalidade da história e só por isso vale a pena e merece ser visto.

——————————————————————————————————————

CLASSIFICAÇÃO:

Um óptimo filme romântico que se recomenda vivamente.
Não é no entanto tão bom quanto por exemplo Il Mare, My Sassy Girl ou The Classic, talvez porque lhe falte qualquer coisa mais que nos ligue emocionalmente aos personagens. Talvez se a realização não fosse tão discreta.
No entanto é uma excelente love-story com muitas surpresas que valem mesmo a visão do filme.
Quem gosta do género não deve perder de forma alguma.
Leva por isso quatro tijelas de noodles.

noodle2.jpg noodle2.jpg noodle2.jpg noodle2.jpg

A favor: a história e as surpresas da mesma.
Contra: não fica na memória enquanto objecto de cinema a não ser pela história,  apesar da maneira original como trata o tema que aborda.

——————————————————————————————————————

NOTAS ADICIONAIS:

Podem espreitar aqui o trailer
http://www.youtube.com/watch?v=TizfWSTDoLw

Aviso:
Se estiverem interessados em ver isto como deve de ser, não leiam antes os inúmeros comentários sobre o filme que poderão encontrar no YouTube (ou no imdb), pois contêm inúmeros spoilers e estão lá posts que lhes vão destruir por completo todas as surpresas do filme e subsequentemente a sua força.

Encontrarão no entanto aqui um par de reviews sem *spoilers*:
http://www.asianmovieweb.com/en/reviews/love_phobia.htm
http://www.hancinema.net/korean_movie_Love_Phobia.php

[“Love Phobia“] embora á partida pelo trailer nem pareça um daqueles filmes particularmente especiais, conta também no entanto com alguns excelentes momentos de humor discretamente inseridos e que ajudam a humanizar ainda mais todos os personagens.
O filme está á venda aqui:
Boa edição com óptima imagem, excelente DTS e alguns extras, entre eles um making-of interessante.
Recomenda-se portanto.

——————————————————————————————————————

Filmes semelhantes de que certamente irão gostar:

Be With You My Sassy Girl Love Phobia The Classic Fly me to Polaris

——————————————————————————————————————

Autor: Alcaminhante

Chamo-me Luis, tenho 45 anos e sou desenhador gráfico/ilustrador de profissão. www.icreateworlds.net Trabalho essencialmente como freelancer em ilustração tradicional e também em criação gráfica destinada á internet. Também trabalho em Banda Desenhada e quem quiser ir buscar os pdfs grátis do meu livro "As Aventuras do Príncipe Ziph" , sigam para aqui: http://icreateworlds.net/banda-desenhada-quadrinhos-gratis Interesso-me essencialmente por cinema, literatura, fotografia e longas caminhadas ao ar livre o mais longe de centros urbanos possível. De preferência junto ao mar e em praias isoladas. Tenho actualmente um blog sobre Cinema Oriental, outro sobre Ficção-Cientifica e ainda um site sobre Marte que podem encontrar aqui: http://www.o-enigma-de-marte.info Espero que gostem das sugestões e voltem sempre. Luis

3 thoughts on “Do-Ma-Baen (Love Phobia) Kang Ji-eun (2006) Coreia do Sul

  1. Poxa….não consigo encontrar esse filme legendado em português em lugar nenhum. Estou querendo muuuuuito assistir. Será que alguem sabe algum site que tenha para baixar? Eu agradeceria e Muito!

  2. Que eu saiba não existe nada legendado em Portugues…
    Eu tenho o dvd origial comprado na play asia com legendas em ingles.

  3. Encontrei esse filme no AnimesXgames, legendado em português mas em rmvb. Nos dados do filme (no site do axg) tem qual foi o fansub que o legendou, provavelmente neste fansub vai achar em avi.
    Filmes asiáticos em geral é muito mais fácil de se encontrar para download em sites de otakus, animes e dramas.
    Espero ter ajudado ^^

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s